6 de abril de 2013

Por que ver os clássicos: Março

O semestre começou com tudo e o tão sagrado tempo para meus hobbies foram substituidos por textos e livros, portanto minha lista desse mês é curta. Felizmente, consegui cumprir os dois filmes, coisa que não sei se o Jeff fez. Os clássicos desse mês foram:
O Jardim dos Finzi-Contini (II Giardino dei Finzi-Contini) Vittorio De Sica. 1970. Ganhador do Oscar de Melhor Filme Estrangeiro.

A ideia do filme é boa e, para mim, nova. Todos os filmes sobre os judeus na época da IIGM são fielmente apelativos, é o tipo de filme que te faz chorar no final. Esse mostra os judeus ricos que, por motivos óbvios, não foram tratados da mesma maneira que os de classe baixa (pelo menos, não no começo). Por causa disso, as cenas que mostram eles sendo expulsos do clube de tênis são um tanto banais, se comparar com as mostradas em “O Pianista”, por exemplo. Mesmo assim, é bom e realisticamente injustas. E não chorei no final, embora meu irmão tenha achado que sim.

Pacto Sinistro (Strangers on a Train) Alfred Hitchcock. 1951.
Expectativas suck. Após assistir os maiores clássicos de Hitchcock, comecei a procurar os mais desconhecidos e, na opinião de muito, piores. O enredo desse filme é tão simples que eu esperava, lá no fundinho da alma, que houvesse uma reviravolta, que todas as aparências fossem transformadas. Não aconteceu. Talvez se tivesse sido o primeiro filme que eu tivesse assistido dele teria gostado mais (ou odiado e nunca mais assistiria outro), não sei.

O Discreto Charme da Burguesia (Le Charme Discret de La Bourgeoisie) Luis Buñuel. 1972. Ganhador do Oscar de Melhor Filme Estrangeiro.

Tenho quase certeza que não gostei desse filme porque não entendi as piadas. Completamente ordinário, o filme mostra uma família burguesa (dã) em seu cotidiano com pequenas trapalhadas/imprevistos. O filme tem o intuito de criticar a classe de forma muito, mas muito mesmo, sutil, tal característica faz do diretor tão reconhecido, mas a sutileza foi tanta que nem me atingiu. Ops Fazer o quê, uns gostam, outros não. Eu não.

De novo vou tentar aumentar minha lista de filmes, mas acho improvável então só rezo para conseguir atingir os dois da meta lol
That’s all xx

Nenhum comentário:

Postar um comentário